O que quero pelo Natal?

Uma água de colónia com cheiro a farturas ou fatias-douradas. É o que vier primeiro. ´
De resto sou feliz, não preciso de muito mais.

6 comentários:

Dylan disse...

Eu quero a prisão para o Pinto da Costa!

Moyle disse...

Para mim um saquinho de isoflavonas ou um canhão pluviocársico. se não for pedir muito, claro.

Dylan disse...

Moyle, se quiseres isoflavonas de soja, arranjo algumas!

Moyle disse...

mas têm que vir num saquinho.

Noya disse...

Dylan,
eu quero as provas para o indiciar...

Noya disse...

Moyle,
no Natal não há nada que seja muito. Mas se porventura te calharem umas peúgas espero que seja isso que tanto desejavas...