Claro como água (ou vinho).

Adoro publicidade que não precisa de palavras para especificar o produto...




E de repente apetece-me vinho verde...

16 comentários:

Maya disse...

É uma receita de vinho verde sff.

francis disse...

bute nessa.

13 disse...

Maya,
é para já.

13 disse...

francis,
siga!

GiGi disse...

Um vinhozinho em companhia de uma mulher dessa ia bem, não é? ^_^

13 disse...

GiGi,
com 2 garrafinhas e qualquer mulher já era como ela... :)

Moyle disse...

vinho verde... pois, é vinho verde que te apetece.

Pronúncia disse...

Brindo contigo!

Tchim! Tchim!
À nossa!... :)

13 disse...

Moyle,
quê?! Vês algo mais para lá do vinho? :)

13 disse...

Pronúncia,
à nossa então! :)

João Cacelas disse...

Se me permites a correcção: esta publicidade precisa mesmo de palavras para especificar o produto. Não fosse aquela pequena frase e o anúncio era a tudo menos a vinho verde.
O sexo vende tão bem...

13 disse...

João,
precisamente... (é ironia, estavas distraído :))

Vende e de que maneira...

João Cacelas disse...

Pois estava. Distraído. :D
Sorry. Mas, como sabes a palavra que é escrita não tem tanta expressão como a falada e como li o post a mil à hora, não associei a ironia.
Mas, pior que esse cartaz, ainda
é isto: http://www.lusawines.com/images/vinhos/v_sexygrd.JPG

13 disse...

João,
muito bom! :) Ganda vinho que deve ser...

Moyle disse...

não reconheço a cidade, mas também não me parece que tenhas um desejo súbito de migrar :)

13 disse...

Moyle,
nem "migrar" para o scp, já que todo o cartaz é em tons de verde...