Se há algo que me é perigoso é quando disponho de tempo, o mesmo que dá azo às mais pertinentes reflexões existenciais, neste caso a respeito do Benfas e mais concretamente do seu treinador...

Quão estranho será caso um jogador levante a camisola revelando a mensagem "Eu amo Jesus"?

7 comentários:

Cirrus disse...

Olhando para os blogues que segues, acredito piamente nas tuas palavras e no que elas significam... para ti! De resto, deixa lá ver a justificação para tamanha... alarvidade!

Cirrus disse...

Olha, enganei-me na caixa!!! Pega lá qué palmoçar!

Moyle disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Moyle disse...

a época tem corrido bem às "papoilas saltitantes" porque não contam no plantel com nenhum atleta de Cristo porque como reagiria o treinador quando ouvisse um jogador a dizer a outro: "Jesus é o Senhor"?

Noya disse...

Moyle,
se fossemos a ver isso de um ponto de vista Monty Pythoniano acho que entrariam numa ciclo infindável altamente parvo...

Moyle disse...

só de imaginar... as potencialidades palérmicas são infinitas :)

Noya disse...

Há ainda este "clássico", ainda que não seja dos MP :)